Lençóis Maranhenses, um paraíso do nordeste.

 

 

 

imagem-de-dunas-dos-lencois

 

 

Lençóis Maranhenses

 

 

 

Um paraíso perdido no nordeste brasileiro, os Lençóis Maranhenses são um dos principais destinos turísticos do Maranhão.

Com área total de 156,5 mil hectares, o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses foi criado em 1981 e integra a Rota das Emoções.

As dunas, formadas pela força dos ventos, criam uma paisagem única ao alterarem sua aparência constantemente.

Durante o primeiro semestre do ano, é possível encontrar lagoas formadas pelo acúmulo de água das chuvas no meio desse gigantesco “deserto”.

 

Fonte: Portal Barreirinhas

 

Localização

 

Localizada a 250 quilômetros de distância da capital maranhense, a cidade de Barreirinhas é um dos principais pontos para iniciar a sua viagem pelos Lençóis.

Com uma ótima estruturada para receber os viajantes, a cidade é cercada pelas águas escuras do rio Preguiças – nomeado pela grande quantidade de bichos-preguiças na região.

 

imagem-de-cidade-historica

 

 

Como chegar á Barreirinhas

 

Para chegar à cidade e iniciar o percurso, a primeira parada é São Luís.

Se você não deseja utilizar agências para o deslocamento, uma opção é o transporte intermunicipal: do Terminal Rodoviário da capital maranhense, saem diariamente ônibus até Barreirinhas, com a passagem tendo o valor de R$ 45 por pessoa.

No quesito hospedagem, há diversas opções, como apart hotéis, hotéis, pousadas e hostels. O valor fica entre R$ 160 e R$ 520 pela diária, dependendo da sua escolha de acomodação.

 

Quando Ir

 

Qual é a melhor época para visitar os Lençóis Maranhenses?

Não existe uma melhor época, mas o período mais favorável, já que é possível visitar o local durante todo o ano e encontrar lagoas para se banhar.

 

 

Entretanto, como as lagoas se formam com o acúmulo da água da chuva, a falta de chuvas da temporada seca pode esvaziar algumas das lagoas.

Como dissemos, chove durante todo o primeiro semestre, de dezembro a junho.

As chuvas geralmente terminaram um pouco antes do início das festas juninas, início da alta temporada no Maranhão.

 

Atrações culturais

Este é o melhor momento, já que as lagoas estão cheias e a região se enche de atrações culturais!

Por exemplo, na última semana do mês de julho, ocorre a tradicional festa do vaqueiro de Barreirinhas.

Considerada a maior festa da região, o evento é repleto de apresentações de grupos de forró. A “Vaquejada Regional dos Lençóis Maranhenses” é uma atração à parte!

 

 

Um pouco mais adiante no calendário, no início de agosto, a programação muda de cara.

Um festival de jazz e blues, o Lençóis Jazz e Blues Festival, enche as ruas da cidade com turistas em busca de uma experiência diferente.

 

 

 

Quanto tempo ficar?

O Parque dos Lençóis é repleto de atrações, sendo necessários vários dias para conhecer todas.

Nossa dica é não se limitar às principais lagoas, se quer mesmo aproveitar a viagem. Saia do básico e faça todos os passeios disponíveis.

Há várias agências de passeios na cidade, com atendentes atenciosos. Aproveite!

Contudo, se você tem pouco tempo, saiba que 2 dias são suficientes para conhecer as regiões mais conhecidas, como as duas lagoas Azul e Bonita.

 

 

 

Como chegar aos Lençóis Maranhenses?

Caso venha de carro, o acesso é realizado por via terrestre pela BR 135. Partindo de São Luis, a capital do estado, percorre-se 58 quilômetros até Rosário, e a partir daí mais 22 quilômetros até Morros e 162 quilômetros até Barreirinhas. São 242 quilômetros de distância e de paisagens tropicais separando São Luís de seu destino final.

 

O que levar?

Os Lençóis Maranhenses ficam localizados dentro do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, um lugar quente. Assim, nem pense em levar roupas pesadas. Opte por shorts, saias curtas, camisetas, sandálias e roupa de banho. Repelente, boné/chapéu, óculos escuros e protetor solar não podem faltar também!

 

Lençóis Maranhenses, um paraíso do nordeste.

  • informações

+ hospedagem

+ agencias de turismo

 

 

[contact-form][contact-field label=’Nome’ type=’name’ required=’1’/][contact-field label=’Email’ type=’email’ required=’1’/][contact-field label=’Site’ type=’url’/][contact-field label=’Comentário’ type=’textarea’ required=’1’/][/contact-form]